Bookly

Halloween literário: 6 obras de terror/suspense que você PRECISA ler

Garantimos que esses livros não vão te deixar dormir de luz apagada… Buh!


Não é uma delícia quando a gente tá sozinho em casa e resolve ler um livro de suspense/terror para se distrair e, de repente, estamos tapando nossos pés e com medo do escuro? Não vamos mentir, nós do DAMMIT adoramos!

Ainda no clima de Halloween, tal qual nossa Mixtape temática (já ouviu?), nós separamos 6 (número nada sugestivo) livros apavorantes e envolventes para ler nesse período.

O Iluminado, de Stephen King

Um clássico, “O Iluminado” está para Stephen King assim como “Harry Potter” está para J.K. Rowling: é impossível não relacionar o autor à obra. O livro conta a história do escritor Jack Torrance, que resolve se isolar com a família no estranho Hotel Overlook. Com o tempo, Jack começa a descobrir os mistérios que cercam o lugar e nota que vai ser difícil sair dali.

Aqui temos King em sua melhor forma, com uma escrita que vai nos prendendo e nos deixando curiosos. A narrativa é tão bem feita que o Hotel se torna o verdadeiro protagonista da história, sendo detalhado quase como um ser vivo, com pele e alma. O melhor é ler e ainda fazer uma sessão pipoca com o filme de Stanley Kubrick lançado em 1980.

O Colecionador, de John Fowles

No romance de estreia de John Fowles, conhecemos um homem triste e solitário chamado Frederick, que é menosprezado pelo resto das pessoas. Até que um belo dia, Frederick conhece o amor da sua vida.

Lindo, né? Bem, seria lindo se Frederick não fosse um sociopata maníaco!

O legal desta obra é que iniciamos a leitura acreditando na boa índole do Frederick e, aos poucos, vamos entendendo que ele não bate muito bem da cabeça. Principalmente depois que ele fica obcecado pela jovem Miranda e faz de tudo (absolutamente tudo, qualquer coisa mesmo!) para que ela se apaixone por ele.

O terror aqui não está em elementos sobrenaturais, mas sim numa realidade perturbadora, o que faz a história ser até difícil de digerir. Mas nós garantimos: você não vai se arrepender!

E Não Sobrou Nenhum, de Agatha Christie

Não só de terror vive o homem, ele também vive de um bom suspense. E se tem alguém que sabe escrever suspense, este alguém é a escritora Agatha Christie. “E Não Sobrou Nenhum” é uma de suas obras mais famosas e lidera a lista dos livros de mistérios mais comercializados no mundo, com mais de R$ 100 milhões de cópias vendidas. Aqui, Christie traz dez personagens aprisionados em uma ilha, onde vão morrendo um a um com base em uma cantiga infantil e a corrida por chegarem vivos ao final do livro.

O melhor desta obra está na narrativa envolvente da autora, que nos deixa muito curiosos e realmente sem noção de quem está por trás das mortes. Ele tem um dos finais mais surpreendentes e chocantes da literatura e é uma ótima pedida (não só pro Halloween)!

A Assombração da Casa da Colina, de Shirley Jackson

Escrito no fim de 1950, temos aqui um clássico da literatura de terror americana! A obra nos apresenta a história do Dr. Montague e o seu interesse em desvendar os fenômenos sobrenaturais que ocorrem na tal Casa da Colina. Para isso, ele convida três pessoas (a enfermeira Eleanor, a sensível Theodora e o herdeiro da casa, Luke) a fim de explorar os segredos do lugar.

Aliás, essa obra lembra muito “O Iluminado” também, pelo fato da narrativa transformar o ambiente em algo crucial para a história e também por tratar de temas como abuso psicológico e insanidade. Lembrando que o livro serviu de base para a série “A Maldição da Residência Hill”, produzida pela Netflix e lançada em 2018.

O Vilarejo, de Raphael Montes

Com padres, demônios e um vilarejo pra lá de esquisito, a obra de Raphael Montes apresenta sete contos que se cruzam, relatando a degradação humana e fazendo uma relação muito criativa com os 7 pecados capitais. Não dá pra falar muito desse livro aqui para evitar spoilers, mas a indicação já vale por ser um terror nacional de qualidade.

A escrita do Raphael é super fluida e você devora a história rapidamente. Além disso, vale dar uma olhada em outros livros do autor, como “Suicidas” (seu romance de estreia) e “Dias Perfeitos”.

Arquivos Serial Killers: Louco ou Cruel e Made in Brazil, de Ilana Casoy

Se você está cansado da ficção e quer se aventurar no estudo da mente de criminosos reais, esse livro é uma ótima indicação! Escrito pela criminóloga Ilana Casoy, temos aqui um acervo dos mais aterrorizantes casos de serial killers do mundo todo.

O mais interessante aqui é que o livro não fica somente apresentando os casos, mas Ilana traz termos, definições e conceitos importantes sobre a psicologia criminal, que nos ajuda a entender o que se passa na cabeça de um assassino.

 

Tá esperando o que pra se jogar no sofá e começar a leitura, hein? É aquele ditado: em terra de bruxa, quem tem vassoura é rainha.

Felipe Vicente (39)

Graduando em Jornalismo e Artista. Gosto de café e pizza fria, se for os dois juntos, então: é amor na certa! Escrevo sobre tudo no DAMMIT, até porque meus gostos são ecléticos e eu tenho marte em Libra no mapa astral.
Choro com Queer Eye, dou risada com The Office e passo raiva com RuPaul's Drag Race. Às vezes, eu sinto tudo isso com alguma série aleatória do Ryan Murphy.

Curta nosso e receba notícias direto na sua timeline.


Tags

HotNews

Siga-nos no Instagram

Nossa conta do Instagram foi roubada e estamos começando tudo de novo. Contamos com vocês para nos seguir novamente!

Ir para o Instagram