Robert Pattinson recusa fazer ato sexual em cachorro para seu novo filme Paparazzi

robert p

Robert Pattinson dá vida a Connie, um fugitivo da polícia em seu novo filme Good Time, o qual foi muito bem ovacionado quando estreou no Festival de Cannes na França, em maio deste ano.

No longa, seu personagem tem uma grande afinidade por cachorros, o mesmo pensa que era um cão em uma vida passada. Robert nesta última quinta-feira (03) concedeu uma entrevista ao programa televiso Jimmy Kimmel Live! e contou que os diretores Ben e Josh Safdie queriam que a relação do personagem com seu animal de estimação ficasse mais íntima.

“Tem essa cena que gravamos, que basicamente esse traficante de drogas entra no meu quarto sem avisar e eu estou deitado com um cachorro, masturbando ele.” disse o ator.

Sobre como foi gravar a cena o artista declara“Perguntei ao treinador, porque o diretor estava tipo ‘Apenas faça isso de verdade, cara! Não seja covarde!’ E então o dono do cachorro estava ‘Bem, ele é um reprodutor, então você pode fazer’. Ele dizia “Você apenas tem que massagear o interior das coxas dele'”.

No entanto, o astro da Saga Crepúsculo se recusou a fazer tal ato de verdade e uma prótese imitando o órgão sexual do animal foi usada durante a gravação. Mesmo tendo que passar por essa situação, a cena não faz parte da versão final do filme. “Foi divertido. Estará nos extras do DVD”, brincou Pattinson.

Assista ao trecho em que Robert conta essa história a Jimmy Kimmel, abaixo:

Curta o DMT no Facebook e receba notícias diretamente em sua timeline.

Tags

Escrito por
Postado dia 04 de agosto de 2017

Comentários

DAMMIT.com.br © 2012 - 2014    —    Alguns direitos reservados