Paparazzi

Hayley Williams, John Legend e outros artistas condenam o protesto de supremacistas nos EUA

O manifesto fez as manchetes mundiais e chocou a todos, inclusive os famosos. Veja!


  • Escrito por

  • Publicado em 13 de agosto de 2017

john hayley

Na última sexta-feira (11), Charlottesville, situada na Vírginia, EUA, foi palco de um cenário que nunca imaginaríamos ver nos tempos em que vivemos. Centenas de nacionalistas e supremacistas brancos foram às ruas para protestarem contra negros, imigrantes, gays e judeus. O motivo inicial do ato foi a remoção de uma estátua que representava o general das forças da Confederação, Robert E. Lee, que foi pró-escravidão no país durante a Guerra Civil dos EUA.

O manifesto se intensificou durante o sábado (12), quando os protestantes da extrema-direita começaram a usar força física com pessoas que estavam contra o ato. O que fez o governador da Virgínia, Terry McAuliffe, declarar estado de emergência.

No confronto três pessoas morreram e mais de 30 ficaram feridas. A notícia impactou a todos, incluindo artistas que utilizaram das redes sociais para condenar o acontecimento. Hayley Williams, da banda Paramore, criticou o protesto “As notícias me enojam e também os racistas de terno que ignoram o fato que NAZISTAS estão desfilando pelas ruas em plena luz do dia”, disse a cantora. 

O cantor John Legend aproveitou o momento para criticar a situação politica do país. “Temos simpatizantes nazistas e nacionalistas brancos na Casa Branca. Condenem eles também. Eles não deveriam receber dinheiro dos impostos”.

Mark Ronson, parceria de Bruno Mars em Uptown Funk, mostrou indignação em seu perfil e compartilhou outros tweets da rede. “Esses idiotas parecem estar a caminho da p**** de um luau”

Ava DuVernay, primeira diretora negra a ser nomeada ao Globo de Ouro e ao Oscar de Melhor Filme, por seu trabalho em Selma, comentou, “Há muito aqui. O fogo casual. O squad ideal à direita. A palavra sobre o passo em que se encontra o terrorista. A flor em primeiro plano.” ao analisar uma foto.

Outras celebridades como J. K. Rowling, Seth Rogen e Douglas Booth também usaram as redes sociais para repudiar o acontecimento.

Curta nosso e receba notícias direto na sua timeline.


Tags

Comentários